Mudanças entre as edições de "Vagrant - Comandos básicos"

De Pontão Nós Digitais
Linha 21: Linha 21:
 
     config.vm.box = "'''hashicorp/precise32'''"
 
     config.vm.box = "'''hashicorp/precise32'''"
 
   end
 
   end
 +
 +
== Ativando uma máquina virtual ==
 +
 +
Depois de baixar um box e customizar o arquivo vagrantfile, você precisa ativar sua máquina virtual.
 +
 +
  $ vagrant up
 +
 +
== Acessando a máquina virtual vagrant ==
 +
  $ vagrant ssh
 +
 +
 +
 
  
  
 
[[Category: vagrant]]
 
[[Category: vagrant]]
 
[[Category: desenvolvimento]]
 
[[Category: desenvolvimento]]

Edição das 15h57min de 18 de agosto de 2015

Instalando uma nova máquina virtual

 $ vagrant box add hashicorp/precise32

Para customizar o tipo de "box" (máquina virtual a ser instalada), você pode fazer uma busca por boxes disponíveis na rede. Veja algumas máquina disponíveis: https://atlas.hashicorp.com/boxes/search

Você também pode indicar uma url para a operação:

 $ vagrant box add https://atlas.hashicorp.com/chef/boxes/ubuntu-14.04.box

Gerando arquivo Vagrantfile

Para o vagrant rodar, a aplicação precisa de um arquivo Vagrantfile em determinado diretório. Recomenda-se a criação de um diretório na pasta /home e dentro dessa pasta a insersão do arquivo. Você pode gerar o arquivo com o comando:

 $ vagrant init

Depois desse processo é necessário customizar o arquivo para que ele possa ouvir a box correta. Você deve abrí-lo e mudar o nome indicado em negrito para o nome de sua box:

 Vagrant.configure("2") do |config|
   config.vm.box = "hashicorp/precise32"
 end

Ativando uma máquina virtual

Depois de baixar um box e customizar o arquivo vagrantfile, você precisa ativar sua máquina virtual.

 $ vagrant up

Acessando a máquina virtual vagrant

 $ vagrant ssh