Mudanças entre as edições de "Vagrant - Comandos básicos"

De Pontão Nós Digitais
(Configurando rede)
(Instalando uma nova máquina virtual)
 
Linha 9: Linha 9:
  
 
   $ vagrant box add https://atlas.hashicorp.com/chef/boxes/ubuntu-14.04.box
 
   $ vagrant box add https://atlas.hashicorp.com/chef/boxes/ubuntu-14.04.box
 +
 +
Iniciando uma máquina Ubuntu 14.04
 +
 +
  $ vagrant init ubuntu/trusty64; vagrant up
 +
 +
Ex: https://atlas.hashicorp.com/ubuntu/boxes/trusty64
  
 
== Gerenciando boxes ==
 
== Gerenciando boxes ==

Edição atual tal como às 15h31min de 1 de abril de 2016

Instalando uma nova máquina virtual

 $ vagrant box add hashicorp/precise32

Para customizar o tipo de "box" (máquina virtual a ser instalada), você pode fazer uma busca por boxes disponíveis na rede. Veja algumas máquina disponíveis: https://atlas.hashicorp.com/boxes/search

Você também pode indicar uma url para a operação:

 $ vagrant box add https://atlas.hashicorp.com/chef/boxes/ubuntu-14.04.box

Iniciando uma máquina Ubuntu 14.04

 $ vagrant init ubuntu/trusty64; vagrant up

Ex: https://atlas.hashicorp.com/ubuntu/boxes/trusty64

Gerenciando boxes

Gerando arquivo Vagrantfile

Para o vagrant rodar, a aplicação precisa de um arquivo Vagrantfile em determinado diretório. Recomenda-se a criação de um diretório na pasta /home e dentro dessa pasta a insersão do arquivo. Você pode gerar o arquivo com o comando:

 $ vagrant init

Depois desse processo é necessário customizar o arquivo para que ele possa ouvir a box correta. Você deve abrí-lo e mudar o nome indicado em negrito para o nome de sua box:

 Vagrant.configure("2") do |config|
   config.vm.box = "hashicorp/precise32"
 end

Ativando uma máquina virtual

Depois de baixar um box e customizar o arquivo vagrantfile, você precisa ativar sua máquina virtual.

 $ vagrant up

Acessando a máquina virtual vagrant

 $ vagrant ssh

Configurando rede

Você pode fazer o vagrant responder localmente na máquina de origem redirecionando portas. Veja um exemplo de comandos a serem adicionados no vagrantfile para redirecionar a saída de uma aplicação web do vagrant para a porta 4567 no host de origem:

 # Every Vagrant virtual environment requires a box to build off of.
 config.vm.box = "chef/ubuntu-14.04"
 config.vm.network :forwarded_port, guest: 80, host: 4567

Compartilhando pastas entre máquina hospedeira e máquina virtual

No Vagrantfile, esteja atento para a seguinte directiva:

 # argument is a set of non-required options.
 config.vm.synced_folder "/maquina/hospedeira", "/maquina/virtual/vagrant",
 owner: "nome-do-usuario-dono-dos-arquivos-na-maquina-virtual", group: "nome-do-grupo-dos-arquivos-na-maquina-virtual"

Ver mais em https://docs.vagrantup.com/v2/synced-folders/basic_usage.html

Apagando uma máquina virtual

 $ vagrant destroy